BE3234

Compartilhe:


JORNAL DE PIRACICABA – 2/2/2008

Portal da Prefeitura tem mapa georreferenciado


O portal da Prefeitura de Piracicaba na internet (www.piracicaba.sp.gov.br) disponibilizou nesta semana acesso ao mapa georreferenciado do município, que traz informações cadastrais on line de todos os mais de 141 mil imóveis registrados na cidade –– cerca de 106,2 mil construções (casas, prédios e barracões) e 35 mil terrenos. A consulta ao mapa, segundo o secretário municipal de Finanças, José Admir Moraes Leite, deve facilitar principalmente o trabalho de profissionais que atuam em empresas de engenharia, em imobiliárias e cartórios, que não precisarão mais se deslocar até o Centro Cívico em busca dos dados. “Não sabemos o número exato de pessoas que buscam este tipo de dado, mas a procura é diária.”

O link que dá acesso ao mapa, elaborado com imagens de satélite, fica no lado direito da página na internet. Ao clicar no ícone, uma nova página será aberta com o mapa da cidade. Em alguns computadores, será necessária, no primeiro acesso, a instalação de um programa específico, que é oferecido na própria página. No mapa, o internauta poderá encontrar o endereço buscado ampliando a imagem da representação cartográfica com o mouse ou digitando informações como o nome da rua, setor e o bairro em campos específicos no canto superior direito do documento. Assim que encontrar o imóvel, o usuário do sistema poderá conferir as seguintes informações cadastrais atualizadas: número da inscrição, nome do proprietário, endereço completo, CEP (Código de Endereçamento Postal), área total do terreno, área construída e a zona venal em que está incluído. O dispositivo também permite visualizar eventuais processos atrelados ao imóvel e o cartório em que ele está registrado. O mapa georreferenciado está no ar desde a última segunda-feira em caráter experimental. “Além das informações cadastrais, outro aspecto importante é a possibilidade de uso como ferramenta de planejamento”, afirmou Leite, destacando que a medida integra o plano de desburocratização da máquina implementado pelo município.

Sobre imagens de satélite tiradas em 2005, servidores do cadastro técnico e do banco de dados da Secretaria de Finanças, juntamente com técnicos do centro de informática da prefeitura, determinaram o traçado da área de cada imóvel, num trabalho que se estendeu por dois anos. O engenheiro civil Nilson Ferraz de Arruda, presidente da Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Piracicaba, comemorou a novidade. “Toda e qualquer ferramenta que venha a facilitar o acesso público às informações é bem-vinda”.

(Jornal de Piracicaba/SP, Seção Capa, 2/2/2008).