Mensagens Mensagens


Confira as mensagens recebidas de nossos associados, parceiros e amigos neste 40º aniversário do IRIB. A íntegra dos depoimentos poderão ser conferidos, em breve, no próximo Boletim IRIB em Revista. O Instituto agradece todas as manifestações recebidas.

Clique AQUI e mande também a sua mensagem.


Ricardo Basto da Costa Coelho

Ricardo Basto da Costa Coelho, presidente do IRIB.

“O meu pai, Benedito da Costa Coelho Júnior [1º vice-presidente na gestão de Adolfo Oliveira (1984-1986)], sempre participava dos eventos do IRIB e fazia questão de que eu o acompanhasse, juntamente com minha mãe. Estudante de Direito, eu aproveitava todas as oportunidades para aprender um pouco mais sobre a carreira que abraçaria anos depois. O primeiro encontro do qual participei ao lado dele foi em 1977, quando eu tinha apenas 27 anos. Hoje, ao presidir o nosso Instituto, sinto que estou, sobretudo, reverenciado a memória do meu pai.”

Jether Sottano

Jether Sottano, um dos fundadores e ex-presidente do IRIB.

“Na época da fundação do IRIB, o Júlio Chagas insistiu para que eu fosse vice-presidente por São Paulo, ideia que teve a oposição do Tabosa de Almeida, oficial de Registro de Imóveis de Recife. A discussão teve fim quando eu disse que eu o indicaria para a presidência em caso de renúncia. Depois, o Júlio fez uma operação de coração, que não foi bem sucedida, renunciou à presidência do IRIB e veio a falecer. Na época da renúncia, acontecia o Encontro de Serra Negra e era preciso decidir quem assumiria o cargo. Cumprindo meu compromisso, pedi o voto de todos para o Tabosa de Almeida. Demonstrei que ele, inegavelmente, era a melhor e a mais culta cabeça para assumir o Instituto, tendo sido deputado por quatro legislaturas, fundador e reitor universitário. Mas ele também pediu a palavra e disse precisava dizer quem eu era. A emoção foi muito grande e se repete agora. E aí, foi só abraço, todo mundo parou. Assim, fui escolhido presidente do Instituto e fiquei no cargo por quase um ano, o tempo necessário para concluir a gestão do colega Júlio Chagas”.

Maria Helena Leonel Gandolfo

Maria Helena Leonel Gandolfo, uma das fundadoras e ex-vice-presidente do IRIB.

“Fui titular oficial do 10º Cartório de Registros de Imóveis de São Paulo/SP de 1961 a 1999, quando aposentei, mas já trabalhava no cartório desde 1947. Recordo que, em 1974, quando o IRIB foi fundado com o 1º Encontro de Oficiais de Registro de Imóveis do Brasil, eu já estava lá e fui umas das fundadoras. Mas, na verdade, comecei a trabalhar definitivamente no Instituto durante as duas gestões do Elvino da Silva Filho, de 1977 a 1983. Fui convidada por ele para ser a 1ª Secretária do IRIB. Formávamos uma ótima dupla. Com a maioria de associados do Estado de São Paulo, o IRIB surgiu em uma época muito importante, logo após entrar em vigor a Lei de Registros Públicos. As pessoas mais jovens não podem nem imaginar o que era abrir e escrever naqueles livrões, com um sistema medieval. De repente, veio a Lei nº 6.015/1973 com novidades e todos ficaram perplexos”.

Lincoln Bueno Alves

Lincoln Bueno Alves, ex-presidente do IRIB e registrador de imóveis em Franca/SP

“Acompanho a história do IRIB desde 1976, época em que o ilustre Júlio Chagas de Oliveira presidia o Instituto. Nas minhas gestões, 1996 a 2001, tivemos várias conquistas que mudaram o destino do IRIB, entre elas, o convênio com o Ministério Público do Estado de São Paulo, outro convênio que foi de suma importância com o Uruguai e, posteriormente, continuamos com um protocolo de intenções com a Espanha. Outro fato curioso na minha gestão foi o grande apoio que tive dos diretores João Baptista Galhardo e Sérgio Jacomino. Grandes presidentes escreveram a história do nosso Instituto, como Júlio de Oliveira Chagas Neto, Elvino Silva Filho, Jether Sottano, Adolfo Oliveira, Ítalo Conti Junior, Dimas Souto Pedrosa, Sérgio Jacomino, Helvécio Duia Castello, Francisco Rezende e o atual, Ricardo Basto da Costa Coelho, que vem dando continuidade aos trabalhos. Nas comemorações dos 40 anos no IRIB, órgão de estudo, concito a todos os registradores que se interessem, se preparem e participem ativamente das atividades, prestigiando as nossas diretorias e os nossos presidentes.”.

Mário Pazutti Mezzari

Mário Pazutti Mezzari, presidente do Colégio Registral do Rio Grande do Sul.

“No mesmo ano do II Encontro, passei no concurso e, como ainda não havia sido nomeado, não tinha recursos para fazer a viagem e ficar hospedado no hotel do evento. Peguei emprestado o fusca do meu sogro e fui, com minha esposa e meu cunhado, para a Bahia. Foram mais de quatro mil quilômetros de estrada e ficamos acampados em uma barraca na praia. Foi assim que conheci pessoas maravilhosas do IRIB, aquelas que deram os primeiros passos para que a classe de registradores de imóveis fosse hoje unida e se mantivesse em evolução constante. A grande raiz, para mim, foi em Salvador, onde conheci Elvino Silva Filho, Gilberto Valente, Jether Sotano, Oly Érico Fachin e tantas outras mentes brilhantes, que fazem com que o IRIB seja respeitado Brasil afora. Já tive a oportunidade de acompanhar colegas do Instituto em congressos fora do país, mas os dias no II Encontro foram marcantes na minha vida”.

Arimatéia

José de Arimatéia Barbosa, vice-presidente do IRIB para o Estado de Mato Grosso.

“Recordo que, em 1998, ano em que me associei ao IRIB, mesmo com as limitações tecnológicas, sempre era possível interagir em tempo real com o Instituto, dele recebendo, por meio do Dr. Gilberto Valente, objetivas respostas às indagações formuladas pelos colegas de todas as regiões do Brasil. O ex-presidente Francisco Rezende, sempre atualizado, levou o nome de nosso Instituto além de nossas fronteiras, não deixando, contudo, de valorizar o trabalho de descentralização, iniciado em administrações anteriores, criando em sua gestão, na capital federal, escritório destinado às ações políticas e sociais. Ricardo Coelho, amigo, companheiro, prossegue com feito grandes avanços institucionais, sempre enérgico e implacável no cumprimento da missão que lhe foi delegada para dirigir os destinos de nosso instituto”.

Fernando Meira Trigueiro

Fernando Meira Trigueiro, vice-presidente do IRIB para o Estado da Paraíba.

“Passei a integrar a comunidade do IRIB em 1976, quando participei de evento realizado em João Pessoa/PB, a convite do colega Carlos Ulyssis, também registrador na capital do estado. O IRIB em si somos todos nós e, por isso, desejo que a união que nos apoia e nos faz crescer seja cada vez maior, fazendo com que cada vez mais pareçamos essa família grande, diferente, mas unida. O importante na vida de todo ser humano é que ele precisa da solidariedade e da amizade para seguir em frente e isso eu consegui no Instituto. Que possamos continuar com esse elo de respeito e amizade por muito tempo. Sou um apaixonado pelo IRIB, onde aprendi e continuo aprendendo. Jamais me esquecerei dos melhores dias dessa profissão espinhosa, porém compensadora”.

Luiz Egon Richter

Luiz Egon Richter, diretor Legislativo do IRIB.

“Em 1976, fui contratado por Carlos Fernando Westphalen, então oficial do Registro de Imóveis de Santa Rosa/RS, para fazer um serviço de datilografia. Concluí meu trabalho, o contrato encerrou, mas, como não recebi nenhum aviso, passei a desempenhar outras funções no cartório, com muita dedicação. Descobri um lugar e atividades que me davam muito prazer. O tempo foi passando e, no ano de 1983, foi convidado por Carlos Fernando Westphalen para ser o seu oficial-ajudante no Registro de Imóveis de Lajeado/RS. Seria um enorme desafio, mas era um momento de grande felicidade. Uma das primeiras providências foi começar a estudar as publicações dos dedicados colaboradores do Instituto, destacando a Revista de Direito Imobiliário. Essa foi a minha porta de entrada para o IRIB”.

Maria Aparecida Bianchin Pacheco

Maria Aparecida Bianchin Pacheco, registradora de imóveis de Poxoréu-MT.

“Meu primeiro evento no IRIB foi o XXXI Encontro Nacional, em Maceió/AL, em 2004. O conhecimento ali adquirido foi bastante significativo, uma vez que foram discutidos temas como georreferenciamento e certificação de imóveis rurais. Fiquei empolgada com a programação, pois eram temas imprescindíveis para o trabalho dos registradores imobiliários. Recordo que, no Encontro de Maceió, fui convidada para participar da mesa do Pinga-Fogo. Foi uma saia justa, pois o auditório estava lotado. No momento, pensei que estava tendo algum engano, mas repetiram meu nome e achei melhor comparecer para não fazer feio, mesmo receosa. Tive sorte, pois a pergunta que me fizeram estava relacionada à reserva legal, então acabei me saindo bem”.

Julio Cesar Weschenfelder

Julio Cesar Weschenfelder, presidente do Conselho Deliberativo do IRIB.

“Acompanho as atividades desenvolvidas pelo Instituto desde quando ingressei na carreira registral, em 1988. Destaco, entre elas, a importância das preciosas informações trazidas pelo IRIB à comunidade jurídica por meio de seus inúmeros instrumentos de disseminação do conhecimento registral imobiliário, que nos permitem atualização constante sobre temas de interesse para o exercício do mister registral. Ressalto, ainda, o trabalho desenvolvido nas gestões de Francisco José Rezende dos Santos e do atual presidente do Instituto, Ricardo Basto da Costa Coelho. Como integro a diretoria, tenho o privilégio de acompanhar de perto as atividades. Francisco Rezende aproximou o IRIB do poder central com a instalação da representação na capital federal, passo determinante para as gestões que se seguem agora sob o comando do nosso Ricardo Coelho, que tem se mostrado incansável na missão de fazer o Instituto presente em todas as demandas que envolvam a atividade registral imobiliária”.

Julio Cesar Weschenfelder

Vanda Maria de Oliveira, tesoureira geral do IRIB

“Como já comentava o meu querido pai, Oswaldo de Oliveira Penna, “Dr. Penna”, (como era conhecido e um dos fundadores do IRIB), o IRIB foi fundado com o objetivo de confraternizar todos os oficiais registradores do Brasil e foi baseado nos princípios do Rotary Club Internacional. É com grande satisfação que permaneço como tesoureira, em muitas gestões, desse magnífico Instituto, que tanto nos orgulha com seus ensinamentos e que elucida a todos os que a ele recorrem. Parabéns pelos 40 anos e desejo sempre sucesso e progressos em suas realizações”.

Rosa Maria Veloso de Castro

Rosa Maria Veloso de Castro, oficial do Registro de Imóveis Frutal/MG, integrante do Conselho Fiscal do IRIB

São das lembranças dos momentos vividos no Instituto de Registro Imobiliário do Brasil – IRIB, desde os idos de 1977, que conseguimos verificar que valeu a pena em nossas vidas as pessoas que conhecemos, as amizades que firmamos e até as decisões que tomamos.

Conhecer pessoas como o Dr. Gilberto Valente da Silva, Dr. Elvino Silva Filho, Dra. Maria Helena Leonel Gandolfo, Dra. Léa Emília Braune Portugal e tantos outros colegas, que estiveram ou que estão na luta pela classe até o momento atual, nos dá ânimo e alento para novos acertos. Obrigado IRIB!




Instituto de Registros Imobiliários do Brasil